Arquivo para agosto 2010

Top 10 – Animais estranhos e raros

26/08/2010

Como todo bom Top 10, esse não poderia faltar. Por indicação de uma amiga queridíssima lá da Bahia, esse post vai pra você Erica Misan.

Esse post foi retirado do site RevistaGalileu, da Globo.com e é muito bacana! Tem uns bichinhos que até parecem montagem rsrs.

Segundo a reportagem:  “Todos os membros desta seleção ainda vivem entre nós, mas muitos deles estão ameaçados de extinção. A maioria corre perigo devido ao desmatamento que acaba com o habitat natural dos bichos. Outros animais estão correndo o risco de serem exterminados da Terra justamente por sua aparência incomum que atrai colecionadores, como é o caso do número 2.”

10. Proteus anguinus

  Divulgação
É um anfíbio cego muito comum em águas subterrâneas de cavernas no sul da Europa. Vive exclusivamente em lugares sem luz, é também conhecido pelos habitantes da região como peixe humano por causa da cor de sua pele. Apesar dos olhos atrofiados, seu olfato e audição são muito desenvolvidos.

9. Tremoctopus violaceus

Editora Globo
Também conhecido como polvo de véu, a fêmea desta espécie é 40.000 vezes mais pesada do que o macho. Enquanto ela mede até dois metros de comprimento, ele chega aos míseros 2,4 cm. A fêmea costuma estender seu véu quando ameaçada para parecer maior e mais assustadora do que já é.

8. Centrolenidae


Editora Globo
As rãs desta família são caracterizadas pela pele quase transparente. Vivem em florestas úmidas da América Central e do Sul. Também conhecida como rã de vidro, quase todos os seus órgãos são aparentes.

7. Psychrolutes marcidus


Editora Globo
O blobfish, ou o peixe mais feio do mundo, é raramente encontrado vivo. Habitante das águas profundas do mar da Austrália e Tasmânia, tem consistência gelatinosa e densidade levemente menor que a da água, assim é quase levado por ela e usa pouco seus músculos flácidos.

6. Archaeidae

Editora Globo
Uma família de aranhas com que só come outras aranhas. A forma estranha, composta por pescoço e pinças alongadas ajuda na caçada. Conhecidas como aranhas assassinas ou pelicanos, são encontradas na Austrália, Madagascar e África do Sul.
5. Sternoptychidae

Editora Globo
Esta família de peixe habita quase todos os oceanos, menos os de água mais gelada. Como proteus e blobfish, também vive em ambientes escuros. Conta com órgãos produtores de luz dos lados para enganar predadores.
4. Kiwa hirsuta

Editora Globo
Este caranguejo peludo é coberto, na verdade por cerdas semelhantes às de camarões. Ele usa suas cerdas para filtrar a água ao seu redor. Cego e incolor, também vive na escuridão.

3. Phycodurus eques

Editora Globo
Este dragão marinho é um peixe que vive disfarçado de alga. Vive na Austrália flutuando em águas superficiais. Por ser muito camuflado, caça por emboscada. Atualmente encontra-se ameaçado.
2. Uroplatus phantasticus

Editora Globo
Mais conhecida como lagartixa satânica com cauda de folha, a espécie acima é natural da ilha de Madagascar. Mas, como vários animais da região, corre risco de ser extinta por causa da destruição de seu habitat e caça feita por colecionadores. A lagartixa usa sua aparência para camuflagem e, apesar do olhar satânico, só se alimenta de insetos.
1. Hemeroplanes cartepillar
Editora Globo
Parece, mas não é cobra. Trata-se de uma lagarta pouco conhecida e dificilmente avistada que vive nas florestas úmidas do México e América Central. Normalmente ela n”ao tem essa aparência assustadora, mas, quando é ameaçada, ganha as cores e o formato de uma cobra. Além de mimetizar cores, olhos e o formato da cobra, a lagarta simula ataques – inofensivos, já que ela não é venenosa. Esta lagarta fantasiada de cobra está muito ameaçada de extinção por causa do desmatamento.

Bem diferentes do que estamos acostumados a ver não é mesmo? Já pensou em se deparar com um bicho desses? rsrs

Post by: Alzira Farias

Fonte: Globo.com/ Revista Galileu

Golfinho faz sexo gay para manter amigo; veja o ranking dos 5 mais no reino animal:

21/08/2010

Olá Biogalera achei essa reportagem e achei super bacana,por isso resolvi postar algumas partes interessantes sobre ela para vocês.Espero que gostem.

Há casos de homossexualidade por quase todo o reino animal.Esse tipo  de comportamento ganhou e ganha projeções dentro das universidades.Esse estudo ocorre desde o livro “Biological Exuberance”, publicado em 1999 pelo zoólogo canadense Bruce Bagemihl.

Os cientistas tentam achar explicações biológicas para isso. À primeira vista, sexo gay pode parecer sem sentido em termos evolutivos. Afinal, trata-se de gastar energia em um comportamento que não leva à reprodução e que, por isso, deveria ter sido eliminado pela seleção natural — gays não deixam descendentes, afinal.

Se, por um lado, a homossexualidade exclusiva ainda se mantém misteriosa por esse motivo, os cientistas reuniriam uma série de explicações para o comportamento gay ocasional. Entre os animais, alguns utilizam o recurso para fortalecer alianças, por exemplo. Há também casos em que sexo entre machos reforça a dominação e situações em que sexo entre fêmeas cria vínculos que ajudam a criar os filhotes (como entre as albatrozes-de-laysan, do Pacífico Norte). Entre os animais, a homossexualidade ocasional, portanto, traz vantagens evolutivas, dizem os pesquisadores.

O Jornal a Folha listou algumas das espécies notoriamente adeptas de interações entre indivíduos do mesmo sexo. Vejam só o que os biólogos já sabem sobre cada uma:

QUINTO LUGAR: PEIXES-MEXERICA (Etroplus maculatus)

Peixes-mexerica em aquário

Esse pequeno peixe laranja, original de algumas regiões da Ásia mas hoje facilmente encontrado em lojas e aquários pelo mundo, é bissexual porque não sabe diferenciar bem machos e fêmeas.

Não se trata, nesse caso, portanto, exatamente de uma adaptação evolutiva, mas do um fruto de uma limitação de reconhecimento da espécie.

Os dois sexos realmente são muito parecidos, e por isso aquaristas com frequência têm dificuldade para saber qual o sexo dos indivíduos que estão colocando juntos.

Entre os biólogos interessados no assunto, a espécie ficou famosa famosa pela semelhança entre machos e fêmeas — entre os peixe-mexerica, portanto, ninguém é de ninguém.

QUARTO LUGAR: CISNES-NEGROS (Cygnus atratus)

Cisnes-negros passeiam em lago

O cisne-negro macho, além de bastante monogâmico, é gay com frequência. Cerca de 25% deles escolhem outros machos para serem seus parceiros, e os animais ficam anos e anos juntos.

Casais gays, claro, têm um problema reprodutivo sério. Por isso, membros de casais de machos têm relações com fêmeas. Mas, assim que ela põe os ovos, os dois machos colocam a coitada para correr e, cheios de amor, cuidam juntos dos ovos. Em outros casos, os animais simplesmente roubam os ninhos de casais heterossexuais e adotam os seus ovos.

Os cientistas suspeitam que, quando os dois cisnes gays somam as suas forças, conseguem defender melhor seu território, mesmo em comparação com casais héteros. Resultado disso é que, em média, “filhos” de casais gays têm mais chances de sobreviver.

TERCEIRO LUGAR: GOLFINHOS (Tursiops truncatus)

Golfinhos-nariz-de-garrafa brincam juntos

O golfinho-comum, também conhecido como golfinho-nariz-de-garrafa, ficou famoso por causa do Flipper, da série de televisão. Os telespectadores não tinham ideia, porém, das coisas que o simpático golfinho fazia quando as câmeras estavam desligadas.

Isso porque, em média, esses animais mantêm o mesmo número de relações hétero e homossexuais — a grande maioria dos indivíduos é bissexual, e alguns passam por longos períodos de exclusividade homossexual. O tal nariz de garrafa é utilizado para estimular a área genital dos colegas.

Duradouras alianças têm interações homossexuais como alicerce. A amizade, portanto, é fortelecida com carícias entre diferentes machos, por exemplo.

SEGUNDO LUGAR: BISÕES AMERICANOS (Bison bison)

Bisões americanos na América do Norte

Se os outros animais fazem sexo homossexual por amizade ou carinho, os bisões americanos fazem por um motivo, digamos, mais macho: montam nos seus pares para reforçar a hierarquia. Entre eles, concluíram os cientistas, sexo anal está altamente relacionado à dominação. Os bisões-alfa, portanto, não perdoam os colegas com menos status.

Um animal monta no outro com agressividade. Como eles podem chegar a dois metros de altura e quase uma tonelada, há bastante brutalidade na cena. Interações entre as fêmeas, porém, são mais raras.

Outro fator que estimula o comportamento homossexual na espécie, de acordo com Bagemihl, é a falta de opção. Se o acesso às fêmeas é difícil (e elas só estão disponíveis para o acasalamento uma vez por ano), sobra para um outro macho desprevenido que estiver por perto. Com menor frequência, há casos homossexuais registrados na literatura entre bovinos domesticados, que são primos dos bisões.

PRIMEIRO LUGAR: BONOBOS (Pan paniscus)

Bonobos na República Democrática do Congo

O primeiro lugar vai para os bonobos porque esses animais levam a ideia de amor livre a sério. Exceto pelas substâncias alucinógenas e pela trilha sonora de The Who, eles fazem das terras onde vivem, na República Democrática do Congo, uma espécie de Woodstock animal — muito pouco agressivos, os bonobos, não à toa, são conhecidos como “macacos hippies”.

Sexo é parte da vida dos bonobos como em nenhuma outra espécie de primatas. Eles fazem sexo para resolver conflitos, para pedir desculpas, como forma de congratulação e, claro, na maioria das vezes só por prazer mesmo. Nas palavras do grande primatologista Frans de Waal, os bonobos fazem tanto sexo que uma hora até cansa ficar observando seu comportamento.

Tanto os machos quanto as fêmeas se envolvem em sexo homossexual, mas elas se destacam. Passam boa parte do dia se estimulando, e sexo oral é extremamente comum. Com um clitóris bem maior do que a das humanas, atingem o orgasmo com extrema facilidade. E não perdem uma oportunidade: “Uma fêmea pulou nos meus ombos, envolveu minha cabeça nos seus braços e tentou puxá-la para o seu clitóris. Eu não deixei”, diz Vanessa Woods, cientista que trabalhou com a espécie.

BYE:Jack Araújo!!!

Fonte:Folha.com

Brigitte Bardot apela à Dinamarca contra massacre de golfinhos.

20/08/2010

Foi publicada hoje em varios jornais nacionais e tabloides americanos a carta que a ativista Brigitte Bardot mandou para à rainha Margrethe II contra o massacre a golfinhos.

Ex-símbolo sexual do cinema francês e ativista dos direitos dos animais, Brigitte Bardot, e o grupo de defesa da vida marinha Sea Shepherd apelaram, esta quinta-feira (19), à soberania da Dinamarca para suspender o massacre anual de golfinhos nas Ilhas Faroe, território autônomo dinamarquês no Atlântico Norte.

Segundo os ambientalistas, centenas de baleias-piloto, que apesar do nome são da família dos golfinhos, são perseguidas até a praia, onde são mortas a golpes de faca até a morte em um sangrento ritual de verão.

“Este espetáculo macabro é uma vergonha para a Dinamarca e as Ilhas Faroe”, disseram em carta destinada à rainha Margrethe II.

“Não é uma caçada, mas um abate em massa”, de acordo com uma versão em francês do texto, que condenou uma “tradição antiquada que não tem aceitação justificável no mundo de hoje”.

Christophe Marie, da Fundação Brigitte Bardot, que defende os direitos dos animais, disse que os ativistas têm monitorado há três semanas a matança de golfinhos –um evento que remonta há milhares de anos– a bordo de um navio.

“A matança de golfinhos foi originalmente concebida para dar alimento às pessoas”, explicou Marie à AFP, por telefone.

“Mas este não é mais o caso”. Ontem, nós encontramos um cemitério de baleias-piloto nas águas de um fiorde. Eram todas carcaças e foram, simplesmente, descartadas”, acrescentou.

A Fundação Bardot e a Sea Shepherd acusaram a Dinamarca.

“AUTÔNOMO”

Mesmo que o país escandinavo sustente que o arquipélago das Faroe, situado entre a Escócia e a Islândia, é um território autônomo, sua Marinha ainda controla a zona de pesca das ilhas e protege os barcos que conduzem os golfinhos para a costa, afirmaram.

Em Torshavn, a principal cidade das Faroe, Kate Sanderson, oficial do Ministério das Relações Exteriores, especializada em cetáceos e educada na Austrália, disse que a descrição na carta era “infundada” e não continha “nada novo”

Bom acho que nem precisa eu comentar essa frase não é?É de tamanha ignorância e falta de sensibilidade,o que mais me chocou é que esta foi dita por uma especialista em cetáceos,eu sei ,é ate irônico,mas foi isso que ela disse.Essa sim é uma vergonha aos protetores destes animais que fazem de tudo para acabar com essa matança  e uma desesperança a todos que lutam por essa causa tão nobre.

E ela ainda diz mais:“É uma caçada, como qualquer outra caçada; é selvagem e pode parecer desumana. Mas as pessoas que protestam contra o fato de que estes mamíferos estão sendo mortos com facas nunca estiveram em um abatedouro”, alfinetou Sanderson.

Triste,essas afirmações de Sanderson me deixa indignada e  muito triste.

BYE:Jack Araújo!!!

Fonte:Folha.com

Ibama apreende animais silvestres em Parnaíba

17/08/2010

Olá Biogalera acabo de ler uma notícia muito triste sobre apreensão de animais silvestres aqui no Piauí.Acho esse fato muito triste, é impressionante como há pessoas que lucram com esse tipo de coisa.Quando será que as pessoas vão se conscientizar que caçar e vender animais silvestres é ilegal e vai contra todas as formas de liberdade dessas aves.Enfim acho que isso só pode mudar quando as pessoas que compram essas aves se conscientizarem e pararem de “abastecer” esse tipo de mercado …assim se não há compradores não a caça ilegal.

O Ibama do Piauí apreendeu em Parnaíba, mais de 200 animais silvestres que seriam comercializados ilegalmente em feiras do estado.

Os animais foram apreendidos em uma feira livra e em três residências de Parnaíba, litoral do Piauí. A maioria estava em condições precárias. Algumas gaiolas pequenas tinham até oito pássaros. Muitos não resistiram ao percurso até Teresina.

Durante a operação, seis pessoas foram autuadas e multadas e dois homens foram presos, em flagrante, acusados de tráfico de animais silvestres. Para evitar a morte de alguns animais, rapidamente eles foram alimentados e separados por espécies, em viveiros maiores, no Ibama de Teresina. Em menos de 15 dias, o Ibama fez duas grandes apreensões no Piauí. A quantidade de animais no centro de triagem é tão grande que não há mais espaço. “De imediato, nenhum está em condição de retornar, em virtude de terem chegado muito debilitados, com fome, com sede, muito mal acomodados. Depois que a gente recuperar estes animais veremos os que podem ser soltos na natureza”, explica o veterinário José Lacerda Luz. No total, o Ibama aplicou R$ 133 mil em multas.

Quem quiser saber mais notícias e só acessar:http://jornaldaparnaiba.blogspot.com/2010/06/ibama-apreende-animais-silvestres-em.html

O comércio ilegal de animais silvestres é a terceira atividade clandestina que mais movimenta dinheiro sujo, perdendo apenas para o tráfico de drogas e armas.

O Brasil é um dos principais alvos dos traficantes devido a sua imensa diversidade de peixes, aves, insetos, mamíferos, répteis, anfíbios e outros.

As condições de transporte são péssimas. Muitos morrem antes de chegar ao seu destino final.
Filhotes são retirados das matas, atravessam as fronteiras escondidos nas bagagens de contrabandistas para serem vendidos como mercadoria.

Todos os anos mais de 38 milhões de animais selvagens são retirados ilegalmente de seu hábitat no país, sendo 40% exportados, segundo relatório da Polícia Federal.

O que podemos fazer :

Não compre animais silvestres. Ter espécie nativa em cativeiro, sem comprovação da origem do animal, é crime previsto em lei.

Cada indivíduo capturado faz falta ao ambiente e também os descendentes que ele deixa de ter.

Também não compre artesanatos feitos com partes de animais, como penas coloridas.

Seja vigilante. Se presenciar a venda na feira livre ou depósito de tráfico, avise a polícia. Informe dados precisos da ocorrência.
Denúncias ao IBAMA através da Linha Verde Tel. 0800 61 8080.

Se te oferecem um animal na beira da estrada, não compre e repreenda o vendedor dizendo que isso é crime e que ele procure outra atividade que não lhe cause problemas com a lei.

Os pássaros nascem para ser livres e não presos ao stress e tédio do restrito espaço de uma gaiola. Afinal para que foram feitas as asas dos pássaros ?

O animal que vive preso, perde a capacidade de sobreviver e se defender sozinho e não pode ser solto na natureza sem o acompanhamento de um especialista.

Quando decidir ter um animal de estimação, lembre-se que existem milhares de cães e gatos abandonados aguardando a chance de uma adoção. Consulte a prefeitura da sua cidade ou entidades de proteção animal.

Somente a conscientização da população poderá desestimular este comércio ilegal e proteger o direito à vida e liberdade dos animais.

Vamos combater o tráfico de animais silvestres.

Se ninguém compra, ninguém vende, ninguém caça.

Extinção às gaiolas !!!

Fonte:Jornal da Parnaíba

Bye:Jack Araújo!!!

Serpente siamesa

15/08/2010

Olá Biogalera!
Recentemente correu no mundo um vídeo de uma tartaruguinha siamesa, gerando uma série de vídeos na internet, dentre estes vários, um vídeo de uma serpente siamesa foi muito falado, e daí várias perguntas surgiram. Por exemplo: como esse bicho caça, as duas cabeças são funcionais e como será que os mesmos se alimentam?

Então, antes de falar desse bicho é importante salientar de onde surgiu o termo siamês. Essa denominação começou a ser usada por causa dos gêmeos Chang e Eng, que nasceram no Sião (atual Tailândia) em 1811. E o interessante desses siameses ligados pelo tronco  (tinham o mesmo umbigo e fígado, conectado por seis polegadas de tecido) é o fato de eles terem casado com as irmãs Adelaide e Sarah Yates e tiverem 22 filhos, Os gêmeos ficavam metade do dia na casa de cada esposa, eles tinham personalidades distintas, porém foram “bem ligados”. Os gêmeos Chang e Eng permaneceram ligados até o final de suas vidas. Chang sofreu um derrame e morreu de bronquite. Eng morreu, aparentemente de choque, duas horas e meia depois. Chegaram aos 63 anos. Existem filmes, livros, etc. sobre a bonita historia de Chang e Eng.

Gêmeos Chang e Eng Bunker

Depois dessa bonita história dos gêmeos Chang e Eng vamos falar sobre a serpente siamesa encontrada por veterinários no jardim de um zoológico do Sri Lanka. Então respondendo às perguntas anteriores. Bem, essa é uma Píton bebezinho medindo mais ou menos 24.5 cm, visto que esse animal fica gigantesco que possuí a mesma anomalia genética dos gêmeos citados acima, porém possuindo duas cabeças que têm alguns órgãos mútuos,  no entanto essa anomalia em répteis acaba se tornando rara.

Ela possuí dois cérebros funcionais e pode comer com ambas as bocas, quando ela se movimenta tende a usar a cabeça direita para se guiar, aparentemente o lado direito serve para navegação. E para uma maior percepção de como ocorre a alimentação dessa serpente siamesa. Lhes mostro um vídeo de uma outra serpente, também siamesa se alimentando de um roedor.

Espero que tenham gostado de conhecer um pouco sobre os gêmeos Chang e Eng e da serpente siamesa encontrada no Sri Lanka e continuem lendo o Biogalera, quando possível deixando comentários, sugestões, etc.

Fonte: http://hypescience.com/10-animais-com-duas-cabecas/ e http://www.lost.art.br/changandeng.htm

By Kássio de Castro

Chuva de meteoros é registrada em várias partes do mundo

13/08/2010

Olá bioleitores,me desculpem por estar um pouco ausente do Blog,mas estava meio ocupada…mas estou voltando a atividade de novo(rsrs).E como hoje a noticia do dia foi sobre a Chuva de Meteoro(pelo menos ao meu ver,rsrs) que foi vista por vários países resolvi postar pra vocês algumas fotos bem bacanas desse fenômeno e lógico o que os principais meios eletrônicos comentaram sobre o assunto.

Este fenômeno ocorreu devido a Terra estar cruzando os destroços do cometa Swift-Tutle.A chuva de meteoros Perseidas foi registrada em vários pontos do mundo ao longo da madrugada desta sexta-feira (13). Quem ficou acordado e contou com a sorte de céu claro e sem nuvens pôde ver o fenômeno.

Perseidas é registrada sobre Stonehenge, na planície de Salisbury, ao sul da Inglaterra. Foto de exposição longa. (Foto: Doherty Kieran / Reuters)

O astrônomo Cássio Leandro Barbosa, colunista do G1, explica que essa chuva é associada ao cometa Swift-Tutle, que dá uma volta ao redor do Sol a cada 130 anos. Ela ocorre sempre que a Terra cruza a linha de destroços deixada pelo cometa.

No Brasil, o Norte e Nordeste teriam mais facilidade de observar o fenômeno, mas demais regiões do país também poderiam ver os meteoros mais brilhantes nas últimas horas de escuridão, antes do amanhecer.Embora eu não tenha visto nenhuma reportagem ou noticias sobre pessoas que conseguiram ver o fenômeno.Mas quem mora fora do Brasil, no Hemisfério Norte, ganhou uma visão mais privilegiada e pôde chegar a ver até 142 meteoros por hora.

Fonte:G1

BY:Jack Araújo!!!

Delta do Parnaíba no Jornal Hoje, vote!

11/08/2010

Estou aqui hoje, não para postar uma notícia ou matéria interessante, mas fazer uma pequena propaganda e um pedido à vocês. Não sei se todos que visitam o blog assistem com frequência o Jornal Hoje, mas quem assiste sabe, que toda sexta-feira eles exibem um quadro chamado “Tô de folga”, indicando aos telespectadores um roteiro de viagem aos lugares mais bonitos do país. Esta semana eles abriram uma enquete que permite aos internautas votarem no próximo destino do quadro, que será exibido nesta sexta-feira, dia 13/08. Lá você pode optar pelo Delta do Parnaíba (nosso patrimônio) ou por Corumbá, no Pantanal do Mato Grosso do Sul. Não sei se todos sabem, mas nós, os idealizadores desse blog, somos do Piauí e levantamos a bandeira de que as belezas naturais do nosso estado devem ser divulgadas ao restante do País. Então, quem quiser ajudar a mostrar nosso Delta e o que o Piauí tem de melhor, entre no site do Jornal Hoje e vote, vote e vote muito. Rsrs

Delta do Parnaíba

Nunca é demais “tietar” o que é nosso! Então se puderem votar, desde já agradecemos!  Segundo o resultado parcial, o Delta está com 49% contra 51% de Corumbá. Então vamos votar BioGalera, até sexta-feira dá tempo! Basta entrar na página principal do jornal e ir em “Interatividade”.

Clike aqui e vote para o Delta do Parnaíba ser o próximo destino do quadro “Tô de folga”

E pra finalizar, só a título de informação, aqui vai uma breve descrição do nosso Delta, retirada do Wikipédia.

“O Delta do Parnaíba está situado entre os estados brasileiros do Piauí e do Maranhão. É o único das Américas e um dos únicos do mundo em mar aberto. Formado pelo Rio Parnaíba, que tem 1.485 km de extensão, o Delta do Parnaíba abre-se em cinco braços, dos quais quatro no Maranhão e apenas um no Piauí, envolvendo mais de 70 ilhas fluviais. Sua paisagem exuberante, cheia de dunas, mangues e ilhas fluviais, garante o cenário paradisíaco dessa região do Piauí e Maranhão.”

Obrigada Galera.

Post by: Alzira Farias