Um pouco de estresse pode ajudar no combate ao câncer, sugere estudo

Matéria bem bacana que lí na UOL e achei legal compartilhar com vocês. Mais uma vez peço desculpas pela ausência. Rs. Finalmente estou de férias. Agora vai ser possível postar mais frequentemente.

“Ter algum nível de estresse pode ser bom para a saúde, ajudando no combate ao câncer, segundo publicado nesta sexta-feira na revista científica Cell. Em testes com ratos, cientistas americanos e neozelandeses observaram que os animais colocados em situações estressantes – incluindo brigas com outros ratos – tinham melhores resultados na luta contra os tumores do que aqueles deixados quietos. “A forma como vivemos pode ter um impacto muito maior sobre o prognóstico do câncer do que pensávamos anteriormente”, explicaram os autores.

Na pesquisa, os cientistas injetaram células com melanoma – um tipo de câncer de pele – nos roedores, e colocaram alguns deles em gaiolas grandes, cheias de brinquedos e muito mais ratos do que o normal, deixando outros em gaiolas convencionais. Após três semanas, os tumores tinham reduzido quase pela metade nos ratos que estavam nas gaiolas cheias de estímulos, estando 77% menores após seis semanas; enquanto o câncer apenas crescia nos outros ratos. Além disso, os tumores desapareceram completamente em 17% dos ratos do primeiro grupo, mesmo sem tratamento.

Os pesquisadores destacam que o fato de esses ratos serem mais estressados – alguns tinham mais marcas de mordida e de luta – pode cumprir um papel no combate aos tumores. Segundo especialistas, a resposta do organismo ao estresse é complexa, e os hormônios liberados podem ter efeitos positivos. Comprovando essa teoria, experimentos mostraram que os ratos estressados produziam mais fator neurotrófico, que reduz a produção de leptina, hormônio associado ao apetite, mas também ao melanoma, ao câncer de próstata e de mama.

Embora muitos dos mecanismos em humanos sejam diferentes, os pesquisadores concluíram que esta pode ser uma lição para todos: não devemos simplesmente evitar o estresse. “Devemos estar envolvidos em esportes coletivos e em grupos sociais, onde há diversas dinâmicas interativas que são um pouco desafiadoras para nós”, concluíram os especialistas.”

Fonte: UOL Blog / Colunista: Leandro Perché

Muito bom o blog deles ;D

Beijos.

Post by: Alzira Farias.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Notícias, Saúde

Tags: , , , , , ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: